Ir direto para menu de acessibilidade.
Brasil – Governo Federal | Acesso à informação
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

AGROECOLOGIA É NOTA 5! Pode comemorar

  • Publicado: Terça, 17 de Dezembro de 2019, 11h03
  • Última atualização em Terça, 17 de Dezembro de 2019, 11h03
  • Acessos: 168
imagem sem descrição.

 

O curso de Agroecologia do IFPA campus Bragança conquistou o conceito máximo na avaliação do MEC. O índice mede a qualidade dos cursos de nível superior ofertados em todo o país, tanto em instituições públicas quanto privadas. A conceito de curso 5 foi conquistado por apenas dois cursos de Agroecologia no Brasil, entre os 47 avaliados em 2019. 

O resultado foi divulgado na tarde desta segunda-feira (16) pelo reitor do Instituto Federal do Pará (IFPA), professor Claudio Alex Jorge da Rocha, durante a reunião do Conselho Superior do IFPA, em Belém. 

A nota 5 significa que o curso de Tecnologia em Agroecologia ofertado pelo IFPA em Bragança, nordeste do Pará, alcançou o mais alto padrão de qualidade entre as instituições de ensino do país, equiparado aos melhores do Brasil. Para critério de comparação, dos cursos de nível superior avaliados em 2018, apenas 1,7% obtiveram a nota máxima. 

A nota se refere ao Conceito do Curso (CC), que integra o Sistema Nacional de Avaliação do Ensino Superior (Sinaes) do Ministério da Educação (MEC), ao lado do Conceito Parcial do Curso (CPC) e do Índice Geral dos Cursos (IGC). 

A agroecologia é a prática sustentável da agricultura, tanto pelo aspecto econômico, quanto pelo social e ambiental. A formação é de nível superior e prepara os estudantes para atuar no campo, no planejamento e na execução de atividades agrícolas. 

O campus Bragança acumula experiência pedagógicas exitosas no campo da Agroecologia. Uma delas foi a construção do Quintal Agroecológico, um espaço destinado a atividades práticas e de pesquisa, que engloba um Sistema Mandala, que consorcia hortaliças com a criação de animais (peixes e aves), um viveiro de mudas, um Sistema Agroflorestal (SAF´s), e duas áreas experimentais, uma com o plantio de mamão consorciado com pimenta e café e outra que consorcia a produção de pitaia com hortaliças. 

Em 2019, o curso também passou a contar com um novo laboratório para atividades práticas, climatizado e equipado com computadores e mobiliário. 

Para saber mais sobre os cursos do IFPA campus Bragança, acesse braganca.ifpa.edu.br.

registrado em:
Fim do conteúdo da página