Ir direto para menu de acessibilidade.
Brasil – Governo Federal | Acesso à informação
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

O que o Coronavírus pode ensinar sobre você ?

  • Publicado: Terça, 12 de Maio de 2020, 13h54
  • Última atualização em Terça, 12 de Maio de 2020, 13h59
  • Acessos: 128

 

          Quando nos deparamos com uma situação de quarentena forçada, como essa que a gente está vivenciando, na qual um distanciamento social é tão importante para evitarmos que as pessoas com saúde debilitada ou idosos contraiam o vírus ou que a gente o espalhe tão rápido, e onde percebemos que os sistemas de saúde não conseguem dar conta da demanda, a gente é forçado a voltar para casa, ficamos mais recolhidos, e deixamos de ter todos os reforçadores do dia a dia. Você deixa de ter todas essas coisas que traziam “graça” para a vida: o seu passeio na rua, o seu momento com os amigos do trabalho/escola... Então você tenta manter a mesma rotina que tinha anteriormente, com horário para acordar, trabalhar, comer, estudar, ir à academia, levar as crianças na escola, passear com o cachorro, comprar pão, e assim por  diante ... Mas as coisas não são mais como antes, pelo menos não por enquanto, e o que inicialmente para alguns pareciam férias, aos poucos “a ficha foi caindo” de que não seria exatamente isso. E, de repente, vai surgindo uma angústia dentro do peito que te pergunta e te cobra: e agora? O que você é e quem você é, quando não está cumprindo o seu papel social? E você se vê num único lugar, provavelmente na sua casa, e tendo que fazer a vida funcionar com a mesma complexidade que ela funcionava antes. Só que você se dá conta que muitas das coisas que você fazia estavam no piloto automático e, quando esse piloto automático é travado por uma situação crítica como a que estamos vivendo agora, somos obrigados a parar e notar a falta que faz o piloto automático, e que você não ter os seus gatilhos do dia a dia, os seus hábitos bem estruturados, suas atividades diárias, pode deixar você completamente entediado, triste, irritado, com o senso de que você não está conseguindo dar conta das coisas, ou que você não está sendo produtivo.

 

É ai que mora uma grande oportunidade: a de você parar e pensar no que que realmente alimenta a sua vida, no que que realmente é importante pra você, e que atividades e coisas que você faz estão mais ligadas aos seus valores, ao que você quer pra você, ao que você quer para o mundo, ou o modo como você gostaria de ser lembrado... Aproveite esse momento para colocar sua vida pessoal em dia que tal:

·  Cuidar de quem você ama;

·  Ter tempo para ouvir aquela história mais longa;

·   Brincar com teu filho, terminar aquele livro;

·  Arrumar aquele guarda-roupa,

·  Ter aquela conversa de casal que você está adiando há tempos ,

·  Fazer as pazes e mandar uma mensagem para alguém que fez e faz parte da sua história de vida e que a muito não conversam;

·  Escrever aquele artigo ou capítulo de livro autrora idealizado;

·   Iniciar o tão sonhado curso de dança, mesmo que seja on-line...

 

Aproveite esse momento de PAUSA, que muitos dizem “forçada”, mas nós preferimos usar o termos PAUSA NECESSÁRIA E SOLIDÁRIA , uma vez que, é necessária,  devido aos riscos eminentes de proliferação de um vírus o qual ainda não temos uma vacina e  é solidária porque a maioria de nós se colocou em distanciamento físico por compreender que está é uma forma segura de conter o avanço geometricamente da Pandemia .

Aproveite este tempo para mexer na sua vida,  para desenvolver com  mais clareza o que realmente importa e, então, tome atitudes para que isso volte a funcionar na sua vida. Foque no projeto VOCÊ. Organize seu tempo de um jeito diferente...

Coloque como prioridade o que você sempre deixava para amanhã  devido a dinâmica intensa do teu dia-a-dia.

Então, após nossa reflexão, que tal começar hoje?

Marque uma vídeochamada com os amigos, fale ao telefone como fazíamos antigamente, pegue aquele livro que vai ser usado como referêncial teórico do seu artigo e comece a ler e rascunhar  seu artigo. Enfim, aproveite seu dia de hoje para fazer algo que te deixe melhor, que seja seu saldo positivo pós pandemia.

 

Este texto faz parte das ações que o grupo de Psicólogos (a) do IFPA, desenvolveram para este tempo de pandemia.Temos também um espaço de escuta e acolhimento virtual na Instituição. Maiores Informações acesse o link : https://ifpa.edu.br/coronavirus

 

 

  

 

 

Sobre as autoras: Jeanne Kelly Soares Liberato é Psicóloga Cognitivo Comportamental e servidora Técnica Admisnitrativa em Educação do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Pará - Campus Conceição do Araguaia.E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Elana do Perpétuo Socorro Magno Coelho é Psicóloga de base teórica Psicanalítica, Especialista em Psicopedagogia Institucional e Servidora Técnica Admistrativa em Educação (TAE) do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia  do Pará - Campus Santarém . E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Marília Mota de Miranda é Psicóloga de base teórica Comportamental, Especialista em Gestão Pessoas e em Sistema de Garantia de Direito de crianças e adolescentes. Atualmente, é servidora Técnica ão Administrativa em Educaç (TAE) da PROEN/Reitoria do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Pará . E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Revisão: Mário Vitor B. de Lima

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página