Ir direto para menu de acessibilidade.
Brasil – Governo Federal | Acesso à informação
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

IFPA capacita servidores

  • Publicado: Terça, 10 de Julho de 2018, 11h20
  • Última atualização em Terça, 10 de Julho de 2018, 11h27
  • Acessos: 511
imagem sem descrição.

 

Foram ofertados, de 2 a 6 de julho,  dois cursos:  Depreciação e outros aspectos patrimoniais da contabilidade pública e SIAPE Folha

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará (IFPA) ofertou aos servidores, no período de 2 a 6 de julho, os cursos Siape Folha e o Depreciação e outros aspectos patrimoniais da contabilidade pública.

 A capacitação sobre o Sistema Integrado de Administração de Recursos Humanos (Siape) é resultante da parceria firmada entre o IFPA e a Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA). Por meio sistema Siape Folha, que integra todas as plataformas de gestão da folha de pessoal, é feita a administração e elaboração da folha de pagamento dos servidores. O curso faz, em 40 horas, um apanhado geral das principais funções do SIAPE Folha como os módulos, subsistemas e as suas funcionalidades para melhor operacionalizá-lo.

O Assistente em Administração da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Claudiomar Oviedo Ribeiro, que compõe o banco de multiplicadores da Secretaria de Gestão de Pessoas do Ministério do Planejamento foi o facilitador do curso Siape Folha.  “Este curso é voltado principalmente para os servidores ingressantes que começam a trabalhar no serviço público, com folha de pagamento, sem nenhuma ou pouca orientação. O objetivo é suprir a carência de conhecimento para operacionalizar o sistema. Traz informações importantes para evitar erros no preenchimento dos dados. Buscamos repassar o máximo de conteúdo que possa dar uma segurança a mais para os servidores, para que eles consigam desenvolver de forma tranquila suas atribuições e atividades”, esclarece.

“Considero importante reconhecer o trabalho das equipes dos órgãos de capacitação. Não basta ter um departamento estruturado de capacitação e não se preocupar com o que está acontecendo. Parabenizo o IFPA e a DGP, pois um curso de capacitação que envolve laboratório é bem difícil de organizar, não só equipamentos, precisa recursos financeiros como, por exemplo, para o deslocamento do multiplicador, para as despesas dos servidores que vêm de outras localidades, que é o exemplo de alguns servidores aqui do Instituto Federal do Pará que precisaram pegar barco e fazer viagens de 12 horas. Dadas às dificuldades, costumo parabenizar as instituições que se preocupam com seus servidores, em dar o mínimo de bagagem e capacitação que proporcionem  tranqüilidade ao servidor. É diferenciado o trabalho de um servidor que chega e já tem a oportunidade de participar de um treinamento. Nesta turma do IFPA, há servidores com um ano, seis meses e até um mês de casa. Para minha surpresa, foi intensa a participação das pessoas nas atividades, mesmo com a internet, os servidores não perderam o foco e se envolveram deste o início”, ressalta Claudiomar Oviedo.

O Assistente em Administração no IFPA campus Breves, José Marcelo da Silva Bruto comenta que o curso Siape Folha veio em boa hora para ele. “Eu necessitava desse curso para desenvolver bem minhas funções, para eu melhor operar o sistema, pois há várias funções que eu desconhecia. O curso Siape Folha é essencial, é uma ferramenta a mais para desenvolver meu trabalho com êxito”, avalia.

Wesley Sampaio da Silva, assistente em administração do IFPA campus Castanhal, comenta que esta capacitação tornará mais eficiente o trabalho no setor administrativo. “Tínhamos necessidade desta capacitação, pois a gente trabalha no dia a dia com o sistema, folhas de pagamentos, fazemos cálculos de pequena monta, exercício anterior, com inclusão de valores no sistema, rendimentos e descontos. Este curso foi muito bom, bem proveitoso, o professor é excelente. Como o próprio nome diz “facilitador”, Claudiomar Oviedo facilitou o acesso aos conhecimentos. Penso que tudo que ele tratou aqui vai melhorar o nosso trabalho - ajudou a encontrar os caminhos corretos no sistema, a fazer nossas atividades e cálculos da forma correta. Acredito que todos que lidam com o Siape deveriam fazer este curso, pois os conhecimentos que o professor traz sobre a legislação, notas técnicas, orientações normativas, de como operacionalizar o sistema - que é muito amplo - vão facilitar muito a vida no trabalho, descomplicando nossas atividades”.

Depreciação e outros aspectos patrimoniais da contabilidade pública

Por meio de outra parceria, do IFPA com a Escola de Administração Fazendária (ESAF), do Ministério da Fazenda brasileiro, foi ofertado o curso Depreciação e outros aspectos patrimoniais da contabilidade pública - com duração de 24 horas. O objetivo foi capacitar os servidores a reconhecer, mensurar e evidenciar os efeitos no patrimônio da depreciação, amortização, exaustão, reavaliação e redução ao valor recuperável; atualização das noções de ativo, passivo, patrimônio, bem como o correto processo de desfazimento de bens da Administração Pública. A capacitação foi ministrada no Centro Regional de Treinamento da Esaf (Centresaf), no 5º andar do edifício do Banco Central (Bacen), localizado à Av. Castilhos França, em Belém.

O Chefe do Setor de Patrimônio do IFPA Campus Belém, José Maria Santos de Lima, participou da capacitação. “Este curso é importante para sabermos como deve ser feito o cálculo da depreciação do bem, atribuindo o valor justo a cada um. Cabe também aos gestores dos campi do IFPA perceberem o quanto é importante este conhecimento sobre a gestão do patrimônio para evitar que os itens sejam extraviados ou deslocados sem a ciência do setor de Patrimônio. Este curso foi importante para atualizar os conhecimentos sobre legislação, portarias e de como calcular a depreciação e os procedimentos para o desfazimento do bem”, afirma.

 “Toda instituição pública deve conhecer sua realidade patrimonial e adotar práticas para melhor geri-la de forma a atender às exigências normativas. Todo bem, com o tempo de uso, perde valor, cria a necessidade avaliar e decidir sobre a substituição desses itens. A proposta deste curso é ofertar os conhecimentos básicos necessários ao gestor para sua atuação, tanto sobre aspectos conceituais, bem como sobre a base normativa de procedimentos quanto à avaliação, o aspecto da realidade patrimonial e também para gerir a logística de movimentação de material dentro da instituição”, esclarece o contador da Universidade Federal do Pará (UFPA), João de França Mendes Neto, multiplicador do curso.

A Técnica Administrativa do Setor de Capacitação da ESAF, Deidiane Sales da Cunha Magalhães, comenta que a parceria com o IFPA busca expandir conhecimento, por meio da capacitação dos servidores, dentro dos órgãos públicos federais. “Na Região Norte, sentimos uma grande necessidade de ofertar capacitação. O IFPA é um dos nossos principais clientes aqui em Belém. Dos dez cursos previstos para 2018, serão ofertados mais sete até o final do ano.

Fique por dentro dos cursos que o IFPA oferece para os servidores. CLIQUE AQUI. 

Texto e foto: ASCOM IFPA Reitoria

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página